Monica Uehara

Pessoal, sabe quando a gente não sabe o que fazer com tanto risoto (aquele feito com arroz arbóreo) que sobrou, mas tem uma peninha de jogar fora porque estava tãããão bom? Isto sempre acontecia comigo, porque sou meio exagerada nas quantidades quando cozinho e tudo sempre acaba sobrando mesmo. Na maioria das vezes congelo o excesso, mas risoto não dá! E não é "muquiranice", não. É que sempre fico pensando na poluição que o desperdício gera para o planeta, em quantas pessoas passam fome, estas coisas todas que a maioria das pessoas (penso eu) deve pensar também (ou não.rsss)
Não é legal desperdiçar comida né? Então, lembrei desses bolinhos que eu havia provado uma vez na Venezuela. Bem, acredito que não eram feitos com sobras de risoto, mas a consistência era semelhante, pois pareciam os nossos tradicionais bolinhos de arroz, mas o arroz era beeeem mais macio e cremosinho também.
Lembro que resolvi provar estes bolinhos,  pensando que eram coxinhas ou risolis (que não existem na Venezuela, só se fizermos em casa mesmo!), mas não era nem parecido, rssss. Entretanto, eram bons também. Não me lembro o nome, mas, eram vendidos em uma rede de lanchonetes no aeroporto de Caracas, cuja especialidade era só este tipo de salgado, recheado com diversos sabores.
Vale a pena experimentar esta receita, o bolinho ficou bem cremoso. Resolvi assar por conta do excessivo número de calorias na hipótese de fritá-los e ficaram muito bons. Não experimentei fritos e portanto, não sei se podem desmanchar na hora de fritar. Então, vamos à receita:

Ingredientes:
1 porção de sobras de risoto (eu utilizei risoto de abóbora e alho poró)
mussarela cortada em cubinhos
preparo para empanar (como este aqui) ou farinha de trigo, ovos e farinha de rosca em quantidade suficiente para empanar os bolinhos
azeite para untar a assadeira e pincelar os bolinhos

Preparo:
O risoto deve estar bem seco como na foto acima (a primeira do mosaico). Geralmente, se guardado na geladeira de um dia para o outro o risoto acaba ficando assim mesmo. Se o risoto estiver ainda cremoso, você pode aquecê-lo em uma panela e cozinhar até que todo o líquido tenha evaporado. Aconselho a não preparar esta receita na hipótese de o risoto estar úmido porque os bolinhos vão desmanchar.
Pegue porções do risoto, recheie com a mussarela e modele os bolinhos. Passe na mistura para empanar (é só passar na mistura, não precisa passar nos ovos) ou  passe na seguinte ordem: Primeiro na farinha de trigo, depois nos ovos e por fim na farinha de rosca.
Unte uma assadeira com azeite e pincele os bolinhos com azeite também. Sugiro pincelar todo o bolinho com azeite, pois eu passei azeite só na parte de cima  em alguns e estes não ficaram tão bons quanto os demais.
Asse em forno pré aquecido a 200 graus por uns 7 minutos ou até que a parte de baixo dos bolinhos esteja dourada. Vire os bolinhos e asse até que dourem. Sirva.